Archive for agosto \27\UTC 2010

Egocêntrico.

agosto 27, 2010

É foda ver que quanto mais você tentar ser bom, mais te mostram o quanto você é ou pode ser ruim. Engraçado como tudo o que se pensa ser, sempre te mostram ou te “obrigam” a fazer ao contrario. Cansei disso, cansei de ter que ser ou fazer pelos outros, pensando nos outros, que não te tomam como uma pessoa certa para o futuro delas, que simplesmente só tem seu ego como algo importante pra eles.

Nesses poucos dias que fiquei no meu mundo, vi que errei com muitas pessoas. Não por não dar atenção ou por não negar afeto, mas sim por dar e tratar essas pessoas muito além do que merecem. Agora eu mudei. Mudei pois não vou mais me desdobrar para ter reconhecimento ou para demonstrar o que sinto, mudei pois não vou mais ir atrás daquelas pessoas que rejeitam tudo o que eu sou ou faço, mudei pois não vou mais estender a mão para ajudar, quando tudo que merecem é sofrerem as consequencias dos seus próprios atos.

As vezes é preciso um choque de realidade para entender o que acontece a sua volta. Eu passei por isso, agora eu encaro a vida de outra forma. De um jeito muito mais sensato e frio, mostrando que devo lutar mais pelo que eu quero, mas sem precisar envolver pessoas nisso. Sei que posso seguir sozinho, sei que posso me foder muito por essa visão, mas é muito melhor se foder tentando crescer, do que esperar que alguém te ame quando tudo que ela vê é em beneficio próprio, falando como se o que ela faz, te fizesse bem, quando tudo o que você queria era um pouco de carinho.

Sofri por muito tempo tentando ser alguém melhor para quem amo, agora corro atrás do tempo perdido para me fazer bem. Sendo altruísta eu não cheguei a lugar algum, perdi quase tudo o que eu me apeguei, quem sabe agora vou ser mais egocêntrico, quem sabe assim eu tenha mais coisas a favor do que contra.

Eu mudei.

agosto 11, 2010

Eu cansei de me privar de fazer as coisas que eu queria por achar que iria te deixar brava, eu cansei de não dar  oportunidades as gurias que apareciam em minha vida por estar completamente afim só de ti, por simplesmente querer ficar só contigo e fazer tudo certo dessa vez, pois quando fiz tudo pensando só em mim, machuquei muito as outras pessoas.

Eu mudei meu jeito de pensar para ter mais harmônia em nosso relacionamento, para não te dar motivos de pensar coisas que não acontecem, para não te dar motivos de pensar que eu não estaria a altura de um relacionamento sério, que poderia olhar para todas as outras gurias, mas que eu só via você.

Eu abandonei meus vícios por saber que você não gostava quando eu fumava e bebia demais, eu passei a me concentrar mais nos estudo por querer crescer, não só por mim, mas também por você, por querer evoluir, por querer te ter por perto, por te amar. Eu rasguei meu orgulho muitas vezes por querer ter você por perto, fui atrás quando eu tive certeza que não tinha errado e até mesmo quando você errou, eu “assumi” para tudo ficar bem.

Eu atravessava a cidade para estar contigo por algumas horas por semana, coloquei sempre você como um ponto essencial nas minhas metas, abri mão muitas vezes até dos meus amigos verdadeiros por querer te ver e tudo o que recebo agora é você querendo me tirar da sua vida. Eu pensei que estava fazendo certo ao lutar tanto por ti, mas vi que eu estava fazendo tudo errado. Deveria ter deixado você ir da primeira vez, pois te convencendo a ficar, eu só perdi.

Agora eu cresço sozinho, estou lutando por mim mesmo, mas não por que eu não te amo mais, mas por eu estou voltando a pensar em mim, enquanto você pensa só em você. Se tudo isso que está acontecendo é o melhor para ti, que assim seja, mas prometi não mais ir atrás daquele que me deu as costas, depois de todas essas vezes que eu estendi as mãos para te ajudar.

Culpar é fácil, assumir que é dificil.

agosto 8, 2010

Madrugada nublada, cidade vazia, parece que só eu estou por aqui. Não consigo ver ninguém ao meu redor e tudo o que ouço é o barulho do vendo batendo no meu corpo. A lua sendo coberta pela neblina e parece que estou sendo coberto por um manto feito pelas perguntas e desejos de todos que conheço, como se eu fosse o portador das respostas. Isso me abala, pois sei que não vou saber dar respostas nem para a metade das perguntas que me fazem, mas mesmo querendo me privar desse fracasso, eu tento.

Acho que as pessoas deveriam procurar as respostas para suas dúvidas dentro de si mesmas, pois se elas cometeram os erros, elas deveriam saber as consequências de tudo e talvez até mesmo como evitá-las. O mundo está cheio de pessoas que se acham isentas de culpa para tudo que se faz, mas se esquecem que a maioria das coisas que se faz aqui, se paga aqui e também envolvem outras pessoas que são ligadas a si.

Muitas podem cometer erros grosseiros até sem intenção, mas deveriam saber que quando se é ligado a alguém, TUDO, TUDO MESMO afeta o outro. Os seus olhos se fecham para a culpa e você tenta entender os motivos dessas ações repentinas. E eu digo, é fácil, olhe os seus atos, tudo o que fez nesses ultimos tempos que descobrirá por si só.

É muito fácil achar que está perdido e que nada dá certo, mas é dificil ver os erros que você tanto comete e diminui-los ou até mesmo voltar a culpa para o outro, para sair como se o erro nunca fosse seu e que o outro é uma pessoa ruim que não te merece, mas o que deveria fazer é olhar para dentro e não para fora, pois o erro é seu, não de outra pessoa.
Depois de tudo isso, você ainda quer esconder sua culpa atrás de remédios e doses de bebidas como se essa fosse o único modo de te fazer esquecer um pouco do ocorrido, mas deixa de pensar que as drogas tem efeito passageiro, você vai lembrar no dia seguinte e se em grandes dosagens, pode te levar para um buraco de onde você nunca mais irá sair, e mesmo assim, a culpa ainda estará contigo.