pedido de perdão.

  Esse é um daqueles momentos, em que você preferiria mil vezes não ter feito algo, mas fez. Fez sem pensar, simplesmente, agiu, indevidamente, mas agiu.

  Queria não ter que estar aqui agora, para escrever essas palavras, para tentar por no papel a magoa que estou sentindo, não por ter feito esse ato, mas pelo que ele causou, para mim e para você.
  Não posso apagar isso, mas queria me redimir. Motrar pra ti, que esse amor que sinto é verdadeiro, puro e de todo o coração. Mesmo com esse erro, meu sentimento não mudou, e queria, queria não, quero, que você veja que a dor está pesando dentro de mim enquanto escrevo pensando em você, como todas as outras vezes que escrevi pensando em você, por ser o verdadeiro amor, por ser minha inspiração. Não só aquela que me dispertou um sentimento apagado, mas aquela que me reensinou a viver.

 

 

  Me perdoa, amor.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: